window.location.href = 'http://www.ardinadoalentejo.pt';

quinta-feira, janeiro 15, 2009

Vale a pena continuar?

À semelhança do que aconteceu com um outro blogue de Estremoz, o Estremoz Revisited, do meu amigo Jorge Pereira, fui vítima do envio de comentários menos abonatórios para com a minha pessoa, tudo cobardemente e na sombra do anonimato.

"Oh Pedro Soeiro!? Não precisa de dar valor a ninguem! É um mero cromo da sociadade estremocense! que tristeza a arrogancia de um pobre trabalhador da camara de estremoz"

O comentário acima publicado, os erros são do seu autor e não meus, foi enviado por um qualquer energúmeno (se calhar é melhor colocar outro adjectivo que a pessoa em questão é capaz de não perceber), que me levam seriamente a pensar se valerá a pena continuar a fazer este blogue.

Mas não quero que este ZECA fique sem resposta.
Pode me considerar um cromo da sociedade estremocense, considero muito lisonjeiro da sua parte, porque no meu tempo de coleccionador de cadernetas, cromo era aquele que todos desejavam que lhe saísse na respectiva carteirinha comprada no Maniés para poder completar a colecção.
Em relação à parte de ser um pobre funcionário da Câmara de Estremoz, tenho que admitir que sou funcionário da autarquia e com muito gosto. Sou funcionário da CME porque não nasci em berço de ouro e para levar algum dinheirinho para casa, tenho que trabalhar.
Só é pena que considere todos aqueles que trabalham para o município como pobres. Ou é algum desprezo trabalhar para a autarquia?

4 comentários:

josélameiras disse...

Pedro, claro que deves continuar. Não ligues a tudo o que te mandam.

Um abraço

PS: Vê lá se escreves mas é mais vezes "ó cromo da sociedade estremocense! looooooooooool

Florinda disse...

Pedro continua, o teu blog está muito bom, muito bem feito.
Não ligues ás coisas menos boas que te mandam, a vida é mesmo assim.
FORÇA

zf333 disse...

Amigo

o que não nos destrói, torna-nos mais fortes...

um abraço

frade

JPS disse...

Amigo, costumo ler o teu blog, bem como os outros, mas penso que raramente enviei comentários para eles.
Mas em causa, está uma pessoa, cujo carácter e seriedade, não pode ser colocada em causa por ninguem que te conheça. Os que não te conhecem, deixa-os ganir.
Como te disse, não sou muito adepto de responder em blogues, mas, só te queria dizer que TU, e os que te conhecem, e eu sou um deles, sabem que deves continuar, a seres quem és, e a fazeres o que fazes. Pois lutas pela vida como todos nós, e dás a cara, ao contrário desta gente que em vez de criticar sem te conhecer manda postas de pescada pois não tem nada mais util para fazer.
Infelizmente ainda há muito boa gente que confunde determinadas coisas, e vê politica onde ela não existe, e a confunde com o sentido de responsabilidade que "alguns" têm e outros não.
Segue para a frente.
Grande abraço.